terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Abra o seu coração e deixe Ele encontrá-lo...

A parábola da ovelha perdida é símbolo das pessoas que Jesus vem procurar e salvar. São os chamados pequeninos na fé (fracos, pobres e humildes). A ovelha perdida representava os membros da comunidade com risco de se perderem pela falta de amor e de justiça entre os grandes em relação às pessoas menos importantes. Horrorizados com tantos escândalos e falta de justiça, os pequeninos desistem e vão embora. Jesus deixa a comunidade representada por noventa e nove ovelhas e parte na busca daquela que se perdeu. Ele fica mais alegre ao encontrá-la do que com as noventa e nove, que não foram perdidas. Eis que a vontade do Pai é essa: mandar o seu Filho ao mundo para salvar aos que se perderam na vida aqui em nosso meio.

E hoje, quem está perdido? Os outros, nós mesmos?
Muitos se perdem pelas drogas líticas e ilícitas por pura fraqueza, por falta de base familiar, por falta de emprego, por tantas outras fraquezas latentes;
Outros se perdem por falta de diálogo, de amor ao próximo. Buscamos a piedade de Deus, mas não somos piedosos com o outro; guardamos mágoas, temos dificuldades em perdoar;

Há um vazio de Deus no coração das pessoas. Muitos perdem o sentido da vida e Deus só é buscado nas dores, nos sofrimentos. Os pequeninos não são apenas os pobres e humildes, se referirmos à periferia, por exemplo. Eles estão nas mansões, nas grandes rodadas sociais, nos círculos acadêmicos, no mundo empresarial e competitivo. Às vezes vivemos apenas de fachada, de aparências, sepulcros caiados.
Os grandes escândalos, os crimes mais horríveis, as grandes injustiças sociais, a grande concentração de renda em cima de poucos, tudo parece convergir para que um mundo de perdidos surja cada vez mais.

Só a justiça de Deus pode nos fazer enxergar as coisas. O advento nos convida a voltarmos para o Salvador, que veio a mais de dois mil anos atrás e sempre está para vir na sua “data natalícia” para nos salvar. Para sairmos do time dos perdidos precisamos fazer a nossa parte, na busca incessante por Jesus como nosso porto seguro.
Abramos o nosso coração e deixemos que Ele nos encontre, caso estejamos fora do caminho da santificação, pois Deus quer que sejamos santos!
- Everaldo Souto Salvador -

Envia Teu Espírito, Senhor,
e renova a face da terra!

8 comentários:

Tetê disse...

Oi querida! Acabo de atualizar o Família do Pai Eterno, contando a história da devoção. Você que leu como tudo começou não perca a continuação da história! Bjks Tetê - Filha amada do Divino Pai Eterno!

Tetê disse...

Olá Suzuki! Feliz de ter te encontrado no Manancial! Obrigada pela visita! Bjks Tetê

Pollyanna Monteiro disse...

Que alegria receber comentários e, com eles, o carinho dos amigos! Muito obrigada por sua visita! Graça e Paz! Beijos no seu coração. Polly

Brisa da Manhã disse...

Olá! Você sempre com maravilhosos posts! É muito bom vir aqui! Obrigada por sua visita! Beijos suaves da Brisa da Manhã/Maythe

Anpara disse...

Olá! Passando para agradecer a visita! Muito bom o post!Saúde e Paz. O resto a gente corre atrás! Bjs Ana Paula

Euzinha disse...

Obrigada, querida, pela visita! É bom demais sentir o carinho dos amigos! Maravilhosa a sua postagem! Gosto muito de seu blog! Abreijos Euzinha

B@bi disse...

Reverências! Fico muito agradecida por sua visita! Seu blog é muito bom e uma enorme alegria vir aqui! Muito obrigada! B@bi

Peregrina da Paz disse...

Oi! Muito bom o seu post! Fiquei feliz com a sua visita! Já atualizei! Beijos e Deus te abençoe! Leila