terça-feira, 20 de março de 2012

Um profeta galileu?

O fato de Jesus ter vindo da Galiléia criava dificuldade para ser aceito como Messias. Conforme uma antiga tradição, o Messias viria de Belém, cidade de Davi, pois Deus havia prometido a esse rei que, para sempre, um de seus descendentes haveria de sentar-se no trono de Jerusalém. Esta esperança messiânica de caráter político-militar estava bem viva na mente do povo, principalmente no momento em que o peso da dominação romana se fazia sentir.
As autoridades de Jerusalém ignoravam a verdadeira origem de Jesus. E não pareciam muito interessadas em conhecê-la. O motivo verdadeiro da resistência contra ele girava em torno da sua pregação. Os guardas, enviados para prendê-lo, voltaram admirados com o que ouviram de sua boca. A multidão, também, ficava boquiaberta ao ouvi-lo, a ponto de irritar as autoridades.
A insistência na origem de Jesus ocultava o motivo verdadeiro de sua rejeição. Sem mudar de mentalidade, seus perseguidores haveriam de rejeitá-lo, mesmo sendo declaradamente de Belém. Seu modo de ser rompia todos os esquemas messiânicos da época. Jesus é profeta, mas não um a mais na série; é Messias, mas não como o imaginam os judeus. Ninguém fala como Jesus porque ele é a Palavra de vida eterna. Saber escutar é um dom, alcançado por poucos.
O preconceito de muitos afeta outro sentido: a visão! É difícil chamar o outro de irmão com base no preconceito. Mas há um sentido na vida; um referencial absoluto, porquanto somos apenas o relativo: a Palavra do verdadeiro Messias, que aviva todos os nossos sentidos com base na fé.
- Jaldemir Vitório -

Envia Teu Espírito, Senhor,
e renova a face da terra!

7 comentários:

Tetê disse...

Oi Suzuki! Até Jesus foi vítima da discriminação! Feliz de ter te encontrado no Manancial! Maravilhosa essa sua reflexão! Bjks Tetê

Brisa da Manhã disse...

Olá! Você sempre com maravilhosos posts! É muito bom vir aqui! Obrigada por sua visita! Beijos suaves da Brisa da Manhã

Pollyanna Monteiro disse...

Que alegria receber comentários e, com eles, o carinho dos amigos! Muito obrigada por sua visita! Graça e Paz! Beijos no seu coração. Polly

Anpara disse...

Olá! Passando para agradecer a visita ao Filosofando/Maktub! Muito bom o post!Saúde e Paz. O resto a gente corre atrás! Bjs Ana Paula

Euzinha disse...

Obrigada, querida, pela visita! É bom demais sentir o carinho dos amigos! Maravilhosa a sua postagem! Gosto muito de seu blog! Abreijos Euzinha

B@bi disse...

Reverências! Fico muito agradecida por sua visita! Seu blog é muito bom e é uma enorme alegria vir aqui! Muito obrigada! B@bi

Peregrina da Paz disse...

Oi! Muito bom o seu post! Fiquei feliz com a sua visita! Já atualizei! Beijos e Deus te abençoe! Leila